Propor atividades que abordem questões como diversidade e aceitação das diferenças é uma arma eficiente de combate à intolerância e ao bullying. Assim, é possível promover a inclusão do aluno com deficiência em sua turma.

São exemplos de atividades inclusivas?

3 atividades inclusivas para fazer em sala de aula

  1. 1 Contação de histórias. A contação de histórias é uma maneira universal de trabalhar interpretação e senso crítico. …
  2. 2 Desenhar o corpo. Essa é uma atividade que ajuda a criança a entender a diferença de maneira real e visual. …
  3. 3 Guiar os colegas.

Como montar uma atividade adaptada?

5 dicas para criar atividades adaptadas na Educação Especial

  1. Dica #1: Leia e Releia! …
  2. Dica #2: Ensine Palavras Muito Utilizadas. …
  3. Dica #3: Forneça Repetição com Variedade. …
  4. Dica #4: Exemplifique e Suporte a Comunicação. …
  5. Dica #5: Sucesso atrai mais sucesso!

O que fazer no primeiro dia de aula educação especial?

Atividades Especiais para utilizar em sala de aula

  1. 1 – Todos juntos aprendendo com as diferenças. Indicado às escolas que estejam iniciando em educação inclusiva. …
  2. 2 -Vamos desenhar? …
  3. 3 – Trabalhando com uma história. …
  4. 4 – Incluir brincando. …
  5. 5 – Sentindo na pele.

Quais são as brincadeiras de inclusão?

6 brincadeiras inclusivas para fazer ao ar livre

  • Brincando com sombras. Para desenvolver os movimentos corporais e ativar a curiosidade dos alunos, a sugestão é brincar com as sombras. …
  • Alfabeto na natureza. …
  • Caixa dos sentidos. …
  • Vôlei sentado. …
  • Pega-pega sensorial. …
  • Desafios na areia.

Como adaptar atividades para alunos com dificuldade de aprendizagem?

Envolva todo grupo de alunos: Sempre traga o tema do respeito ao tempo do outro, das habilidades individuais e das diferenças para sua prática; Você pode até sugerir que os próprios alunos confeccionem materiais diversificados para auxiliar a aprendizagem de um colega da turma.

Como montar um plano de aula inclusivo?

Como criar uma atividade inclusiva
O professor também deve considerar o espaço físico e recursos disponíveis na escola no planejamento. Assim como em um plano de aula, o educador deve definir alguns pontos antes de realizar a atividade: Local em que será realizada. Materiais necessários.

Como fazer um plano de aula adaptado?

Adaptar materiais: destacar alguns aspectos que precisam ser apreendidos com cores, desenhos, traços; cobrir partes que podem desviar a atenção do aluno; incluir desenhos, gráficos que ajudem na compreensão; modificar conteúdos de material escrito de modo a torna-lo mais acessível à compreensão etc.

O que são brincadeiras adaptadas?

As Brincadeiras Adaptadas, levam as crianças a aprenderem a agir em uma esfera cognitiva, dependendo de motivações e tendências internas, e não dos incentivos fornecidos pelos objetos externos (Vygotsky, 1991).

Quantos alunos o professor de apoio pode ter?

Já o profissional de apoio escolar, que também pode fazer a função de atendente pessoal, trata da inclusão pedagógica do aluno. Além de atender a no máximo três alunos com deficiência, o profissional de apoio terá que ter nível superior — a exigência dessa formação só será dispensada para atuar na educação básica.

Quais estratégias o professor deve adotar para promover a inclusão?

Confira, a seguir, 4 estratégias pedagógicas que auxiliarão sua escola a vencer os desafios da inclusão escolar de alunos portadores de deficiência.

  1. Conheça as necessidades de cada aluno. …
  2. Promova campanhas de inclusão escolar. …
  3. Faça avaliações individuais. …
  4. Invista em tecnologia.

Como deve ser o professor de educação inclusiva?

Ser professor é, sobretudo, buscar entender as realidades de cada estudante e promover a inclusão por meio da educação. Tornar-se capacitado para atender pessoas com deficiência pressupõe lidar com esses jovens de igual para igual, com acolhimento e muita empatia para que todos se sintam parte da comunidade escolar.

O que são atividades inclusivas?

Você já ouviu falar em educação física inclusiva? A prática nada mais é do que o direito à atividade física para todos. Isso significa dizer que o desenvolvimento afetivo, cognitivo e psicomotor deve ser garantido, também, para os alunos com algum tipo de deficiência.

O que faz um auxiliar de apoio à inclusão?

Trata-se de um profissional que acompanha o aluno diariamente, contribuindo na compreensão de suas características e eliminando barreiras que o impedem de se inserir na vida escolar. Assim, ele complementa o trabalho do educador responsável pela turma e o do AEE.

Quais são as atividades físicas inclusivas mais conhecidas?

Tênis, vôlei, dança, atletismo e ginástica rítmica são algumas dentre as 12 novas experiências desenvolvidas por escolas públicas de capitais brasileiras que compõem a Coletânea de práticas 2016, um dos materiais resultantes do projeto Portas abertas para a inclusão.

Qual é a diferença entre educação especial e educação inclusiva?

Como visto, a educação especial pensa um processo inteiro, em separado, para atender alunos com necessidades especiais. Já a educação inclusiva prevê uma adaptação do sistema educacional que já existe para garantir o acesso e permanência de alunos com necessidades especiais no ensino regular.

Como trabalhar o tema inclusão?

5 melhores práticas para trabalhar a inclusão em sala de aula

  1. Conheça o perfil dos seus alunos. O primeiro passo para oferecer aulas inclusivas é entender que todo ser humano é diferente. …
  2. Tenha intencionalidade. …
  3. Pense sobre integração. …
  4. Utilize múltiplos recursos. …
  5. Crie um ambiente de respeito e cooperação.

Quais são as intervenções pedagógicas?

As intervenções pedagógicas são interferências feitas pelos profissionais da educação quando percebem uma dificuldade no processo de desenvolvimento e aprendizagem de um aluno. Seu objetivo é ajudar os estudantes a realmente compreender os conteúdos.

Quais estratégias o professor pode trabalhar com estudantes com dificuldade de aprendizagem ou atenção?

Utilizar formas diferentes de apresentar a informação
Normalmente, as dificuldades de aprendizagem podem ser superadas com uma simples mudança na forma de apresentar o conteúdo. Por isso, é fundamental ter flexibilidade pedagógica e explorar métodos alternativos de ensino.

Quais as estratégias usadas junto aos alunos que apresentam dificuldades?

5 estratégias para alunos com dificuldade de aprendizagem

  • 1) Desenvolver pequenos projetos. É uma estratégia para despertar a curiosidade dos alunos por algum tema ou assunto. …
  • 2) Tornar o material didático mais acessível. …
  • 3) Utilizar material concreto. …
  • 4) Diversifique as estratégias. …
  • 5) Jogos e atividades lúdicas.

Quais as habilidades da BNCC para educação especial?

Exercitar a empatia, o diálogo, a resolução de conflitos e a cooperação, fazendo-se respeitar e promovendo o respeito ao outro e aos direitos humanos, com acolhimento e valorização da diversidade de indivíduos e de grupos sociais, seus saberes, identidades, culturas e potencialidades, sem preconceitos de qualquer …